Tudo o que é necessário para a constituição de empresa

Publicado em

Proceder à constituição de empresa é um passo muito importante na nossa vida. Para muitos é um sonho, pelo que é importante que saiba o que o espera, de forma a sair tudo exatamente como espera.

Dar os primeiros passos rumo ao empreendedorismo é algo que cada vez mais os portugueses fazem, e é como abrir uma nova porta no caminho para uma completa independência financeira.

Por essa razão deve solicitar a intervenção de uma empresa experiente, de modo a adotar a forma jurídica mais eficaz para o seu tipo de negócio, e de forma a não desperdiçar recursos monetários, nem tempo.

Este vai ser sem dúvida um processo positivo na sua vida, no entanto existem muitas armadilhas e detalhes que deve ter em conta para o conseguir fazer corretamente.

Assim sendo, conhecer o processo é fundamental para que consiga obter sucesso nesta nova etapa da sua vida.

 

O que é necessário para a constituição de empresa?

A constituição de uma empresa requer um planeamento de forma a que o resultado expetável seja exatamente como projetou, por essa razão, vamos deixar aqui os passos que devem ser dados para essa concretização:

 

  • A primeira etapa no processo é ter um bom plano de negócios, de forma a que o negócio seja sustentável, e mais importante, seja credível.

E se conseguir, sugerimos que antes de fazer esse plano de negócios, proceda antes a uma análise de mercado, de forma a avaliar fatores como potencial de recetividade e concorrência, e o risco associado à sua decisão.

 

  • Na segunda etapa deve escolher a forma jurídica da empresa.

Esta é das decisões mais importantes. Se o faz sozinho! ou em sociedade!

Qual o capital inicial! Quais as implicações de responsabilidades dos sócios em caso de falência da empresa!

 

  • Numa terceira etapa deve escolher o apoio financeiro.

Por vezes este é um dos principais obstáculos à concretização de ideias que poderão ser vencedoras, pelo que deve ser bem assessorado.

 

  • Numa quarta etapa deve constituir-se a empresa. É nesta etapa que a sua ideia começa a ganhar forma. Este processo pode ser feito online, no site, empresa online, concretizando-se o que se pretende.

 

  • Na quinta etapa, procede-se à escolha da sede da empresa. Pode optar-se por arrendar um espaço ou fazer obras num já existente. Ou mandar-se contruir um à medida do negócio.

 

  • Na sexta etapa, procede-se ao inicio da atividade. Este é o passo muito importante, pois existem pormenores que são essenciais.

 

Questões como:

O que tenho que fazer? Onde devo dirigir-me? Que documentos devo apresentar? Quanto vai custar? Quanto tempo vai demorar?”.

Estas são questões colocadas por qualquer pessoa que não saiba como deve atuar.

Por essa razão, e de forma a que todo o processo decorra sem entraves, deve solicitar o apoio no processo de início de atividade a uma empresa experiente, como é o caso da NapConta. Não corra riscos desnecessários.

 

Não espere mais tempo e cumpra o seu sonho. Constitua a sua empresa sem qualquer entrave. Venha à loja da NapConta e fale com os nossos técnicos, de forma a explicarem-lhe todo o procedimento

Tags: ,


Quem leu este artigo também leu

A importância de pedir estudos económicos se se candidatar a um projeto de investimento

estudos economicos
Saber Mais
As vantagens de contratar um contabilista em Torres Vedras

Contabilista em Torres Vedras
Saber Mais
Se tem uma empresa, estas são 5 razões para ter um Serviço de Contabilidade!

Contabilidade
Saber Mais